5 mortes sinistras executadas pelo Justiceiro

Bom, todos nós sabemos como o Justiceiro pode ser violento. Como homenagem a sua estréia na Netflix, a Caverna do Byte traz 5 mortes sinistras causadas pelo nosso “fofo” Frank Castle.

 

1- Carmine “Pittsy” Gazzera


Como isso aconteceu no início da “carreira” do Justiceiro, o jovem Pittsy não fazia ideia de onde estava se metendo. Após brigar com Frank Castle em um prédio, ele acabou sendo lançado pela janela, caindo bem em uma cerca de ferro, onde tem seu corpo atravessado. Como se isso não fosse o suficiente, nosso querido Castle percebe que (embora moribundo) Pittsy não está morto, então atira no seu rosto com uma escopeta. É, deve ter sido uma bela imagem.

 

 

 

2- Um bandido aleatório do arco “Os Escravistas”

 

Não muito distante do final do arco “Os Escravistas”, Frank Castle se vê perseguindo a terrível Vera. Para conseguir colocar as mãos nela, ele precisa encontrar onde ela está, e nessa hora, um pobre coitado aleatório do bando serviu como guia. Castle acabou nocauteando o cara e fazendo uma “gambiarra de guerra”, que se tratava de conseguir retirar os intestinos do inconsciente e amarrar em uma árvore. O cara acabou morrendo (logicamente) aos berros, quando despertou e se encontrou naquela situação.

 

 

3- Mama Gnucci

Se a Mama Gnucci tivesse morrido quando foi atirada aos ursos polares do Zoológico do Central Park, ela já mereceria um lugar aqui, mas ela sobreviveu a este incidente, embora tenha perdido seu escalpo, seus braços e suas pernas. Isso não a impediu de continuar coordenando o império Gnucci, tentando incessantemente matar o Justiceiro. O que aconteceu no final das contas? Após eliminar todos os homens que foram mandados atrás dele (incluindo “O Russo”), Frank vai até a mansão Gnucci, coloca fogo na casa e chuta a Mama Gnucci para as chamas como se ela fosse uma bola de futebol. Quem diria, não sabia que Frank era fã de esportes.

 

 
4- Wolverine

Tá, tudo bem, ele não MATOU o Wolverine de fato, graças ao fator de cura poderosíssimo de Logan. Contudo, Frank deu o seu jeito de parar a besta canadense em um dos muitos “desentendimentos” que teve com alguns heróis da Marvel. Frank atirou no rosto e nos países baixos de Logan com uma escopeta, e enquanto Logan se encontrava no chão, se curando dos ferimentos, Castle resolveu atropelar o pobre coitado com um rolo compressor, estacionando ele bem em cima dele. Com certeza Wolverine ainda deve lembrar dessa noite.

 

 

 

5- Frank Castle

 

Como Justiceiro, Frank matou muitos criminosos, mas sem dúvida, a morte mais sinistra e pesada de sua história foi quando ele se sentiu culpado por ter matado Matt Murdock (se lembram daquele papo dos “desentendimentos” de Castle? Pois então). Frank Castle acaba atirando contra a própria cabeça, causando uma última morte, a morte daquele que ele agora via como um assassino, um criminoso, alguém que o Justiceiro precisava pegar. É um final relativamente irônico, mas profundamente interessante para um personagem tão complexo.

lucascthulhu@gmail.com'

Apesar de odiar tirar fotos, Lucas é um cara simples: Se algo pode fazê-lo rir, chorar ou se arrepiar, ele estará lá. Amante dos trabalhos de Junji Ito e de cookies, ele prefere canetas do que teclados na hora de escrever, além de gostar de retrucar a opinião de técnicos profissionais de futebol americano no seu tempo livre (mesmo sabendo que eles são profissionais). Ele odeia falar de si próprio na terceira pessoa, mas pode abrir exceções de vez em quando. (sacaram o que eu fiz aqui? xD)

Deixe uma resposta